As Panteras, detonando novamente

Pra quem assistiu As Panteras com Cameron Dias, Lucy Liu e Drew Barrymore, ver a “continuação” das garotas do Charlie era algo que estávamos aguardando para saber se seria bem feito. As novas Panteras se passa um bom tempo depois do trio que já conhecemos, trazendo rostos novos na espionagem e não tão novos nas telas do cinema. Kristen Stewart é um deles e surpreendeu (mas falo disso depois),vamos ao roteiro do filme: As Panteras (Charlie’s angels), já começa começa com a prisão de um criminoso e com um Bosley (nome dado aos chefes na Agência Thousand) se aposentado e sendo substituído por Bos, interpretada magistralmente pela Elizabeth Banks, que também brilhou na saga Jogos Vorazes. Enquanto isso, conhecemos Elena, uma jovem do mundo da tecnologia que ajuda a desenvolver um projeto chamado Calixto, objeto capaz de gerar energia limpa. Mas ao descobrir que precisa corrigir um erro nele e avisar seu chefe Brok (interpretado por Sam Claflin que também fez Jogos Vorazes) , senão o mesmo se torna uma arma mortal, alguém decide se livrar dela e lançar Calixto. Aí nossas Panteras entram, e tem como objetivo impedir a venda ilegal desta preciosa criação enquanto lidam com conspirações.
Com cenas de ação muito bem feitas e cenas cômicas estrategicamente colocadas, o filme é assistido em suas duas horas sem pesar. A atuação de Kristen, que geralmente é julgada pela sua falta de expressividade, é bem diferente nas Panteras. Ela conseguiu dar uma repaginada e atrair a atenção, e Elizabeth Banks também está na produção do filme. Todo o grupo das espiãs, embalados em muitos momentos por músicas bem selecionadas é divertido e traz o básico do mundo espião: reviravoltas, lutas, lindas roupas, disfarces e toda a tecnologia para enfrentar os vilões.
Confesso que não foi “Uau”, mas é um filme que vale a pena conferir e que vai divertir qualquer um.

Confira o trailer aqui embaixo:

Marielle Cardoso

Escritora, nerd , Coldplayer Insta: @mcardosoescritora

%d blogueiros gostam disto: